Home

“Ok, Boomer” é a forma da BMW desvalorizar as críticas ao estilo do iX

O que acha do novo BMW iX? Feio? Bonito? Assim, assim? Pelo visto a BMW sabe que o carro não é consensual!

E tanto assim é, que decidiu lançar uma campanha de marketing ousada. Chama-se “Qual é a sua razão para não mudar?”.

Se é esta a forma da BMW contrariar as críticas que choveram nas redes sociais, a casa bávara caminha em gelo fino. Aliás, a BMW foi mais longe utilizando a frase “Ok, Boomer”. Que foi viral em 2019, colocando-a ao serviço da promoção do iX.

Mas, porque é que a BMW usa esta frase? Porque os “baby boomers” são a geração endinheirada que pode comprar um BMW elétrico. As novas gerações não podem lá chegar e, por isso, a casa bávara decidiu colocá-los de lado. Resta saber se foi uma jogada inteligente.

No Twitter, a BMW escreveu “Ok Boomer. E qual é a tua razão para não mudares?”. Ora, a coisa não correu lá muito bem como podem ver nas imagens que reproduzimos. Até porque ninguém gosta de ser compartimentado!

Escolhemos algumas das respostas mais hilariantes ao lema da BMW e sobre o iX. Uma delas diz que o carro parece um “Austin Allegro com dentes de esquilo”! Respondeu a BMW “para seguir novos caminhos, por vezes temos de experimentar novos estilos.”

Resposta imediata de outro utilizador “razões para não mudar? Não sou cego!” Mas há mais! Alguém escreveu “Carro feio!” e a BMW voltou á carga. “Quando se oferece um estilo inovador, é habitual que alguns considerem ser incomum ou estranho. Esteja aberto ao novo visual e vamos abraçar o futuro juntos. Verá que estará cheio de novas oportunidades!”

Enfim, a BMW parece estar com alguma falta de confiança no caminho seguido pelo estilo dos seus novos modelos. E a verdadeira montanha de críticas que está, consistentemente, a receber devido às grelhas XXXXL, provoca algum desespero.

Só assim podemos explicar a razão para estas respostas a comentários sobre o estilo do iX e de outros modelos da BMW. A casa bávara não deveria usar termos como “esteja aberto”, ou “verá”.

Deveria aceitar as críticas e pensar que alguma coisa não está a funcionar. A postura do homem que segue em contramão e escuta na rádio “cuidado que há um carro em contramão” e pensa “um?! São tantos!”, não serve.

É que pode acontecer um acidente… É que, ainda por cima, o iX é um carro cujas características impressionam. Porque razão a BMW não se concentrou nos dados – 500 CV, quase 500 km de autonomia e carregamento rápido – e se preocupou tanto em fazer barulho com o estilo? Ser agressivo com os adeptos da marca não é a melhor solução…

Categories: Home, Notícias

Tagged as: , , , ,