Home

Lamborghini Huracan STO é a versão de estrada do Huracan Super Trofeo

O STO é a versão mais radical de sempre do Huracan. No fundo, é um Super Trofeo com matrícula!

O modelo bebe inspiração no Huracan Super Trofeo Evo. Deste e da versão GT3 usada em vários campeonatos. O próprio nome deixa isso claro: STO significa “Super Trofeo Omologata”. Portanto, fica evidente que esta é a versão com matrícula do Lamborghini Huracan Super Trofeo!

Este novo modelo situa-se acima do Huracan Performante na gama do desportivo. Utiliza o mesmo motor V10 aspirado, com 635 CV. Porém, é muito mais leve (43 kgs) que o Performante. Esses quilos foram escovados com a remoção do sistema de tração integral e utilização em 75% da carroçaria de fibra de carbono.

Além de uma asa traseira feita em sanduiche que utiliza menos 25% de fibra de carbono habitualmente necessária, além de jantes em magnésio e do para brisas, 25% mais leve que no Performante.

Porém, as diferenças para o Performante são bem mais profundas. Sendo um carro que vem da competição, tem uma aerodinâmica muito apurada. O carro passou muitas horas no túnel de vento para obter o equilíbrio entre máximo “downforce” e mínimo arrasto. Uma equação sempre complicada.

O carro tem diversas particularidades como entradas de ar para refrigeração, spliter dianteiro mais profundo, entradas de ar NACA oriundas da competição, difusor redesenhado, fundo plano, entrada de ar dinâmica para o V10, enfim, um verdadeiro carro de corridas. Nem falta a barbatana de tubarão no dorso do capot traseiro para estabilizar o carro.

Contas feitas, são mais 37% de melhoria no fluxo do ar e 53% mais de força descendente, agarrando, assim, o Huracan STO ao chão. São 450 kgs a 280 km/h!

Mas há mais! As vias foram alargadas, as ligações ao chassis são feitas por casquilhos rígidos, as barras estabilizadoras são novas e os amortecedores têm a segunda versão do sistema MagneRide de ajuste automático. O que era indispensável para permitir que o carro pudesse ser usado em estrada de forma minimamente confortável.

A direção está mais direta e com relação fixa, mantendo a direção nas rodas traseiras. Os modos de condução ganham mais uma variante. O modo STO recebe a ajuda do “Trofeo”, que otimiza o carro para os “track day” e para maximizar o desempenho numa volta. Há, ainda, o modo “Pioggia” desenhado para ajudar a controlar o monstro em pisos molhados ou enregelados.

O Hurancan STO utiliza pneus Bridgestone Potenza, mas com duas versões. Uma pensada para a estrada, a outra para os circuitos. O sistema de travagem da Brembo foi atualizado, usando tecnologia carbono cerâmica usada na F1. O interior reflete a orientação do STO, com profusa utilização da fibra de carbono.

O Lamborghini Huracan STO chegará ao mercado a partir da próxima Primavera com um preço na Europa superior aos 250 mil euros. Em Portugal ultrapassará, alegremente, os 300 mil euros.

This slideshow requires JavaScript.