Home

Hispano Suiza Carmen Boulogne custa 1,65 milhões de euros e só há cinco unidades

O Carmen recupera a marca espanhola Hispano Suiza e em Barcelona está tudo pronto para produzir as 5 unidades do Carmen Boulogne.

Para produzir o modelo são necessários 12 meses de trabalho, pelo que a primeira unidade será entregue em 2022.

O Hispano Suiza Carmen Boulogne é uma versão mais exclusiva do hipercarro elétrico, mais leve e com uma produção de apenas 5 unidades. Junta-se, assim, às 14 unidades do Carmen. O nome do Carmen Boulogne é uma homenagem ao Hispano Suiza H6 Coupe de 1920 que circulou pela cidade que comprou a empresa três vezes em 1921, 1922 e 1923.

O coração do Carmen Boulogne são quatro motores síncronos de magneto permanente, dois em cada roda traseira, cm um total de 1114 CV, mais 95 CV que o Carmen. O binário é de 1600 Nm, sendo que na balança, o Carmen Boulogne pesa 1640 kgs, menos 60 que o Carmen.

A aceleração 0-100 km/h é de 2,6 segundos, a velocidade máxima de 290 km/h (limitada eletronicamente) e existem vários modos de condução: Spot, Comfort e Eco. 

A bateria de polímeros de iões de lítio tem 80 kWh, encaixa carga rápida a mais de 80 kW e necessita de 30 minutos para ir dos 30 aos 80% de carga. 

Uma carga completa autoriza uma autonomia até 400 km. A. bateria e o sistema de controlo e de refrigeração da mesma é feito pela própria Hispano Suiza.

Cada um dos 5 Carmen Boulogne custa 1,65 milhões de euros antes de impostos.