Desporto

Armindo Araújo é Campeão Nacional de Ralis após anulação do Rali do Algarve

A pandemia de Covid-19 acabou por resolver os títulos nacionais de ralis, com Armindo Araújo a levar para casa o título absoluto.

Tal como sucede na velocidade, o Campeonato de Portugal de Ralis tem títulos para quase toda a gente! Contas feitas, só no nacional, são… 18 títulos! Sim, leu bem…

Armindo Araújo (Skoda Fabia Evo R5) é o Campeão de Portugal de Ralis na frente de Bruno Magalhães (Hyundai i20 R5) e de Ricardo Teodósio (Skoda Fabia Evo R5), o campeão de 2019. Os cinco primeiros são completados com José Pedro Fontes (Citroen C3 R5) e Miguel Correia (Skoda Fabia R5).

Bruno Magalhães/Carlos Magalhães (Hyundai i20 R5)

Nas marcas, a Skoda ganhou na frente da Hyundai e da Citroen, enquanto nas equipas ganhou a Sports&You, seguida da ARC Sport e da The Racing Factory. Classificadas, ainda, a Racing4You, a Domingos Sport, a Inside Motor e a Prolama.

Daniel Nunes sagrou-se, uma vez mais, Campeão de Portugal 2 Rodas Motrizes ao volante do seu Peugeot 208, seguido de Ricardo Sousa (Peugeot 208) e Ernesto Cunha (Peugeot 208).

Daniel Nunes/Nuno Mota Ribeiro (Peugeot 208)

Na classe RC2, Armindo Araújo venceu seguido de Bruno Magalhães e de Ricardo Teodósio, enquanto que na classe RC3 a vitória foi para João Figueiredo, seguido de Filipe Nogueira e de Nuno Caetano. Nos RC2N, primeiro lugar no campeonato para Luis Mota, seguido de Adruzilo Lopes e Fernando Teotónio.

Entre os Juniores, vitória para Ricardo Sousa, seguido de Pedro de Almeida. Daniel Nunes venceu na categoria RC4, seguido de Pedro Antunes e de Ricardo Sousa. Já nos RC5 não houve campeões. 

Quanto aos navegadores, Luís Ramalho venceu o campeonato absoluto e Nuno Mota Ribeiro nos 2 rodas motrizes, Luís Ramalho nos RC2 e Alexandre Ramos nos RC2N, Fábio Ribeiro nos RC3 e Nuno Mota Ribeiro nos RC4.

Recordamos que o Campeonato de Portugal de Ralis 2020 realizou seis provas. A temporada começou com o Rali Serras de Fafe e Felgueiras em fevereiro com a vitória de Armindo Araújo à geral e de Daniel Nunes nos 2 Rodas Motrizes. Seguiu-se o Rali de Castelo Branco no mês de julho, com Armindo Araújo a repetir a vitória e Pedro Antunes a ganhar entre os 2 rodas motrizes. O mês de agosto trouxe o Rali da Madeira e a primeira vitória do ano para Bruno Magalhães e do Hyundai i20 R5. Pedro Almeida repetiu a vitória nas 2 Rodas Motrizes.

Seguiu-se o Rali Alto Tâmega, ainda em agosto, onde Bruno Magalhães bisou em 2020 e Pedro Antunes também nos 2 Rodas Motrizes.

Em outubro, disputou-se o Rali Vidreiro, onde Pedro Meireles levou á vitória o seu VW Polo GTI R5 e Ricardo Sousa estreou-se a vencer nos 2 Rodas Motrizes, fechando a temporada com o Rali Terras de Aboboreira, onde Armindo Araújo venceu pela terceira vez em 2020, com Daniel Nunes a bisar esta temporada nos 2 Rodas Motrizes.