Home

Kia mudou de logótipo e de mote e agora perde o “Motors”

O processo de renovação da imagem da marca coreana está em curso e depois de um novo logótipo mais moderno e simples e um novo mote, alterou agora a denominação.

A marca coreana passa a denominar-se Kia Corp. ao invés de Kia Motors Corp., tendo agora uma nova identidade que reflete aquilo que o novo CEO da marca, Ho Sung Song, deseja. 

Depois de acabar com o “Power to Surprise” que passou a “Movement that Inspires” e deitar fora a oval com o nome Kia em favor de um logótipo mais simples, chegou a ver de mudar, mesmo, o nome da empresa.

Ho Sung Song diz que “mudar o nome da empresa, o logo e a frase não é mera cosmética. Representa a expansão dos nossos horizontes, criando novas oportunidades de negócio que preencham e respondam às necessidades dos consumidores a nível mundial.”

Para isso, a Kia está a implementar um novo plano estratégico que vai acelerar o caminho para a mobilidade 100% elétrica e uma rápida expansão para os serviços e para a conectividade, como o e-comerce.

O Plano S da Kia tem como objetivo de construir um gama de modelos eletrificados com 11 modelos até 2025, com 7 veículos 100% elétricos até 2027. Com isso, a Kia espera obter 6,6% de quota de mercado dos veículos elétricos em 2025 e vendas anuais de 500 mil unidades em 2026.

Quer isto dizer que a Kia quer 20% das suas vendas globais feitas com veículos eletrificados até 2025 e um quarto do mercado em 2029.

O primeiro modelo nascido da plataforma totalmente elétrica feita com base na E-GMP da Hyundai, chegará no primeiro trimestre. Será um crossover com uma autonomia próxima dos 500 km e carregamento rápido com tempo de recarga de 80% da bateria em menos de 20 minutos. Este será o primeiro modelo a exibir o novo logótipo.