Desporto

Ferrari começa a arrumar a casa para o Mundial de F1 2021

A Scuderia Ferrari anunciou que levou a cabo uma reestruturação do departamento de chassis para ganhar eficácia.

Os anos de 2019 e 2020 são, verdadeiramente, para esquecer e não pode continuar a Ferrari a lutar para ser o melhor dos outros. Por isso, há mudanças em Maranello.

O departamento de chassis foi o primeiro a ser remodelado, passando a estar dividido e quatro setores.

David Sanchez ficará com o pelouro de conceção do carro, enquanto que Enrico Cardile ficará com a engenharia de performance do lado dos chassis. Fabio Montecchi e Diego Ioverno farão parte da ajuda aos dois departamentos, com o primeiro a cuidar da engenharia de projeto do chassis e o segundo com a exploração do carro em testes.

No que toca à presença em pista, estará integrada no pilar da engenharia de performances chassis, ou seja, na mão de Enrico Cardile.

Como responsáveis máximos teremos Enrico Cardile (departamento chassis), Enrico Gualtieri (departamento grupo motopropulsor), Laurent Mekies (parte desportiva) e Gianmaria Fulgenzi (cadeia de aprovisionamento), todos reportando diretamente a Mattia Binotto que continuará como o responsável máximo da Scuderia Ferrari.