Antevisão

Saiba tudo sobre o novo Skoda Fabia que está quase a ser revelado

A Skoda partilhou várias imagens e muitas informações sobre o novo Fabia.

A quarta geração do Skoda Fabia deverá ser apresentado nos próximos dias, mas pode já ficar a conhecer (quase) tudo sobre o novo modelo.

As imagens publicadas são do modelo final com ligeira camuflagem que permite perceber que há algumas (poucas) diferenças são algumas face à terceira geração.

A grelha Skoda está em destaque, os faróis parecem mais estreitos, mas com a forma trapezoidal e tecnologia LED, perfil semelhante e uma traseira sem grandes diferenças.

Já no tamanho, o Fabia cresceu bastante, à imagem do que sucedeu com o VW Polo e o Seat Ibiza, todos feitos com base na plataforma MQB-A0. Contas feitas, são mais 10 cm no comprimento (3,99 para 4,10 m) o que faz do Fabia o maior deste triunvirato. O Ibiza tem 4,05 m e o Polo 4,06 m. Na largura passa de 1,73 para 1,80 m e ganha 1 cm na altura. A distância entre eixos passa de 2,47 para 2,59 m, um aumento generoso.

Ora, o Fabia não tinha problemas de habitabilidade, mas agora passa a ser dos melhores. A Skoda não revelou, para já, as cotas interiores, mas deixou saber que há mais 50 litros de capacidade na bagageira que passa a oferecer 380 litros. Ou seja, mais 25 litros que o Ibiza e mais 29 litros que o Polo. 

A gama de motorizações não contempla unidades diesel nem sequer híbridos, sejam ligeiros ou completos. E isso é uma pequena surpresa.

Tudo começa com o bloco 1.0 MPI, já conhecido da atual gama, com dois níveis de potência: 65 e 80 CV. A vertente menos potente ganhou 5 CV. Ambos estão ligados, em exclusivo, a uma caixa de 5 velocidades.

Subindo na gama de motores, encontramos o bloco 1.0 TSI também com dois patamares de potência, 95 e 110 CV. O primeiro com caixa manual de 6 velocidades, o segundo pode receber a unidade de dupla embraiagem DSG com 7 marchas. Ambos os blocos são de três cilindros.

O topo da gama está ocupado com um motor de 4 cilindros 1.5 TSI com 150 CV, disponível apenas com caixa DSG de sete velocidades e sistema de desativação de dois dos quatro cilindros quando em carga mínima, para promover menores consumos e emissões. Como parece tendência da indústria, o Fabia tem um depósito com apenas 40 litros. Mas a Skoda oferece um depósito de 50 litros como opcional.

A Skoda vai simplificar a gama e oferecerá três níveis de equipamento: Active, Ambition e Style. Nada de novo, apenas uma simplificação. Evidentemente que a Skoda não revelou o detalhe de cada nível, mas foi generosa no que toca à divulgação do que vai ser oferecido no Fabia.

Como sempre, a casa de Mlada Boleslav focou-se na segurança e na versatilidade.

O carro terá seis airbags (frontais, laterais à frente e de cortina), mas oferece mais três como opcional, elevando o número para nove: 1 airbag de joelhos para o condutor e dois airbags laterais para os passageiros do banco traseiro.

Ainda dentro dos opcionais, está o Travel Assist, um conjunto de equipamentos que permitem que o Fabia possa ser usado, dentro de certas limitações, de uma forma quase autónoma.

Está disponível um “cruise control” adaptativo que funciona até aos 210 km/h, ajuda à manutenção do carro na faixa de rodagem, monitorização do ângulo morto e o Park Assist, um sistema que funciona até aos 40 km/h e permite que seja o carro a auto estacionar-se.

Quanto à versatilidade, a Skoda juntou mais 13 novidades. Entre elas, as costas do banco do passageiro são rebatíveis, há uma ficha USB-C suplementar no espelho retrovisor interior (o que permite ligar uma câmara para a carregar enquanto filma) e duas bolsas nos bancos da frente para guardar o telemóvel. 

Categories: Antevisão, Home, Notícias

Tagged as: , , ,