Elétricos

Kia EV6 chega a Portugal a partir de 43.950€

Serão duas as versões do EV6 a comercializar em Portugal: o Air e o GT Line, com baterias de tamanhos diferentes e autonomias a condizer com um preço de arranque de 43.950 euros.

O EV6 da Kia vem agitar o mercado dos modelos 100% elétricos com um carro que oferece alargada autonomia, carregamento ultrarrápido e um estilo a meio caminho entre o convencional e o espacial.

É, também, o primeiro modelo da Kia feito com base na plataforma dedicada a veículos elétricos desenhada pelo grupo Hyundai Kia.

Como referimos, a gama do EV6 é muito simples, dois equipamentos principais, uma versão para empresas e uma solução de renting.

Assim, o Kia EV6 Air, com bateria de 58 kWh, custa 49.950 euros, enquanto o Kia EV6 GT Line, com bateria de 77,4 kWhm custa 49.950 euros. Em 2023 vai chegar o e-GT com tração integral e a bateria maior, além de mais potência.

Para as empresas, o EV6 custa 35.950 euros mais IVA (versão Air) e a solução de renting oferecida, com tudo incluído, é de 499€/mês mais o IVA, num contrato de 60 meses ou 50 mil quilómetros.

O sistema de carregamento de 800 V permite à bateria do EV6 passar dos 10 aos 80% de carga em apenas 18 minutos. O conjunto de bateria de 77,4 kWh está equipado com um motor elétrico de 229 CV e tração traseira. Já o conjunto de bateria de 58 kWh é acompanhado por um motor elétrico de 170 cv e tração traseira.

A arquitetura E-GMP específica tem características de condução otimizadas, graças em parte a uma relação de peso equilibrada, de 53:47. Esta distribuição do peso foi obtida através do posicionamento do conjunto da bateria, que apresenta uma configuração totalmente nova, com um formato plano que permite a disposição ao longo do piso do veículo, diminuindo a concentração de massa e contribuindo para uma maior estabilidade. Esta característica confere ao EV6 um centro de gravidade baixo para um automóvel 100% elétrico, o que melhora o seu comportamento dinâmico. 

O EV6 vence outras limitações típicas de muitos veículos elétricos, tais como a resposta demasiado agressiva à aceleração. Para isso contribuem os casquilhos hidráulicos que ligam o subchassis traseiro à parte principal da carroçaria, melhorando o desempenho de condução e compensando os efeitos do peso tipicamente elevado deste tipo de veículos.

Este Kia apresenta quatro modos de condução (Eco, Normal, Sport ou Snow), que o condutor pode selecionar através de um simples toque num botão. Atributos como o mapeamento de binário, a direção, o ESC e os sistemas de consumo de energia são geridos pela tecnologia de condução inteligente, com o objetivo de proporcionar a experiência de condução ideal em todas as circunstâncias.

A configuração dos amortecedores conjuga uma condução rápida com um nível de conforto e sofisticação que não é frequente encontrar-se neste tipo automóveis reclama a Kia.

O EV6 também beneficia do primeiro Eixo Motor Integrado (Integrated Drive Axle – IDA) do mundo a ser produzido em série, e que agrega os rolamentos das rodas e o veio de transmissão numa só peça transmissora da potência. Esta integração previne os problemas que por vezes ocorrem nas ligações do veio de transmissão e dos rolamentos, ao mesmo tempo que contribui para níveis superiores de conforto e de manobrabilidade através de um aumento da rigidez dos eixos.

O EV6 oferece capacidades de carregamento de 800 e 400 V, sem necessidade de componentes adicionais ou adaptadores. O utilizador pode usufruir de carregamentos de alta velocidade dos 10 aos 80% em apenas 18 minutos para todas as versões, ou de abastecimentos de energia suficiente para uma autonomia de 100 km em menos de quatro minutos e meio.

O sistema de carregamento deste modelo é mais flexível do que o da geração anterior, graças à Unidade de Comando de Carregamento Integrado (ICCU). 

Esta unidade permite uma nova função “vehicle-to-load” (V2L, ou “veículo para carregamento”), capaz de fornecer 3,6 kW da bateria a dispositivos externos, bastando para tal utilizar um simples adaptador que transforma a ficha de carregamento exterior numa tomada elétrica. 

Este adaptador de fichas é específico para cada mercado, permitindo ao EV6 carregar desde eletrodomésticos até outros EV. Por exemplo, a função V2L é capaz de alimentar uma televisão de 55 polegadas e um sistema de ar condicionado em simultâneo durante mais de 24 horas.

No interior, uma cómoda porta de carregamento localizada sob os bancos traseiros permite aos passageiros carregar os seus dispositivos móveis a partir da bateria do veículo, sem necessidade de adaptadores adicionais.

Além disso, o EV6 consegue rebocar até 1600 kg quando equipado com a bateria de 77,4 kWh. A bateria de 58 kWh tem uma capacidade de reboque de até 750 kg. 

O Modo Utilitário permite que diversos sistemas se mantenham em funcionamento com o veículo desligado. Quando este modo é ativado, a bateria de alta tensão continua a alimentar os sistemas de ar condicionado, iluminação e infotainment, sem perigo de descarregar a bateria de 12 V.

A mais recente geração do sistema de travagem regenerativa da Kia destaca-se, sendo comandada por patilhas localizadas na parte de trás do volante, permitindo ao condutor abrandar facilmente o veículo, de forma a recuperar energia cinética e aumentar não só a autonomia, mas também a eficiência energética. 

Os condutores podem escolher entre seis níveis de travagem regenerativa (nenhum, 1 a 3, “i-PEDAL” ou modo automático), em função do nível de recuperação energética desejado. 

O modo de condução “i-PEDAL” permite ao veículo recolher a máxima quantidade de energia do sistema de travagem, oferecendo a possibilidade de parar suavemente sem necessidade de carregar no pedal de travagem. 

Um dos elementos mais marcantes é ecrã curvo duplo do infotainment, que se destaca pela sua tecnologia, surgindo perfeitamente integrado no tablier. A linguagem de formas muito simples deste amplo ecrã e do elegante tablier oferecem uma sensação de amplitude.

Os ocupantes dos lugares dianteiros são recebidos por uma arquitetura de tablier minimalista, que enfatiza a sensação de espaço que domina o habitáculo. Sem necessidade de albergar um túnel central da transmissão, o piso plano do EV6 oferece aos ocupantes dos bancos traseiros 990 mm de espaço para as pernas, garantindo assim um conforto acima da média.  

O sistema HVAC (aquecimento, ventilação e ar condicionado) aumenta mais o conforto dos ocupantes dos bancos dianteiros e o espaço interior. Optando por uma arquitetura dividida entre o interior e o exterior do habitáculo para este sistema, o EV6 conseguiu reduzir o espaço ocupado pelo mesmo no tablier em 55%. Esta configuração ideal oferece mais espaço para os ocupantes dos bancos dianteiros e assegura um bom desempenho de refrigeração. 

A Kia recorreu a materiais sustentáveis, como sejam os revestimentos em couro vegan, assim como os tecidos produzidos a partir de plástico reciclado, com o equivalente a 111 garrafas de água de 500 ml.

O EV6 apresenta uma organização do espaço interior inteligente e flexível, onde abundam as zonas de arrumação. Entre estas destaca-se a bagageira, que oferece nada menos de 520 litros (VDA) de espaço de carga com os bancos da 2ª fila na sua posição normal. Com estes bancos rebatidos, esse volume aumenta para aproximadamente 1300 litros. O veículo oferece ainda uma bagageira dianteira, que acrescenta até 52 litros (versões 2WD) ou 20 litros (versões AWD) à sua capacidade de carga.

Para garantir a segurança e a comodidade na circulação em autoestrada, o EV6 apresenta a mais recente versão do pacote de Assistência à Condução em Autoestrada com apoio à mudança de faixa (HDA 2) da Kia. Recorrendo a radares localizados em redor do veículo, este sistema ajuda o condutor a manter uma velocidade e uma distância para o automóvel da frente predefinidas, ao mesmo tempo que o Assistente de Fila de Trânsito (LFA) centra o veículo na sua faixa de rodagem atual. Através do Cruise Control Inteligente com Controlo de Curva (NSCC-C), que funciona com base no sistema de navegação, o sistema consegue diminuir a velocidade do veículo nas curvas e retomar a velocidade anterior assim que as condições o permitirem.  

Caso exista outro veículo muito próximo, o HDA 2 ajusta a rota do EV6, para evitar uma eventual colisão. As mudanças de faixa também são agora mais fáceis do que anteriormente. Desde que as mãos do condutor estejam no volante e que o veículo circule acima de uma determinada velocidade, um simples toque na alavanca dos indicadores de mudança de direção fará com que o EV6 se desloque para a faixa do lado correspondente. 

O EV6 está também equipado com o Monitor do Ângulo Morto (BVM) e com a Assistência à Prevenção de Colisões pelo Ângulo Morto (BCA), para garantir que as mudanças de faixa sejam sempre realizadas em segurança. O BVM atua como um segundo par de olhos, ao eliminar os ângulos mortos esquerdo e direito do condutor através da exibição de uma imagem de alta definição do EV6 no painel de instrumentos de 12,3” totalmente digital. Por seu turno, o BCA usa sensores de radar para avisar o condutor da aproximação de outros veículos, procedendo a uma travagem caso existam riscos de colisão durante uma manobra de mudança de faixa. 

A circulação em cruzamentos, principalmente nos que possuem várias faixas, pode ser um fator de inquietação para muitos condutores. Por esse motivo, a Assistência à Prevenção de Colisões Frontais (FCA) da Kia inclui agora as funções de viragem e circulação em cruzamentos, destinadas a fornecer a máxima prevenção sempre que é necessário circular nos mesmos. Se os indicadores de mudança de direção do EV6 forem ativados, o sistema avisa o condutor caso exista risco de colisão com um veículo que esteja a aproximar-se. De igual forma, é emitido um aviso se existirem riscos na aproximação de veículos ou pela esquerda ou pela direita quando o EV6 atravessa um cruzamento. Se algum destes riscos aumentar, o sistema alerta o condutor e trava automaticamente, para evitar a colisão. 

Um fator fundamental para a segurança na condução é a capacidade de ver e ser visto. De modo a poder oferecer a iluminação ideal, o Kia EV6 está equipado com o novo Sistema de Iluminação Dianteira Inteligente (IFS), uma tecnologia que possibilita o acendimento independente de cada LED, proporcionando uma iluminação precisa. O IFS permite assim ao condutor viajar com os máximos sempre ligados, mas sem quaisquer riscos de encandear os condutores que circulam no sentido oposto. A câmara dianteira com tecnologia de reconhecimento de veículos diminui ou aumenta automaticamente a intensidade de cada LED, melhorando a visão dianteira do condutor. 

As funções de Aviso de Atenção do Condutor (DAW) e de Assistência Inteligente à Limitação de Velocidade (ISLA) são dois sistemas que reforçam os ADAS para salvaguardar a segurança do condutor. O DAW determina o nível de atenção do condutor, analisando para isso o seu comportamento de condução e o tempo decorrido desde o início da viagem. Se o nível de atenção do condutor cair para baixo de “1” na sua escala de 0 a 5, o sistema recomendará uma pausa através de uma mensagem de aviso exibida no painel de instrumentos. Por seu turno, o ISLA consegue “ler” os sinais de trânsito e o sistema de navegação, o que lhe permite fornecer ao condutor informações sobre a sua velocidade atual e outros aspetos relevantes para a condução. Quando ativado, o ISLA recorre a avisos sonoros para alertar o condutor sempre que detetar alterações às condições de circulação.

Categories: Elétricos, Home, Notícias

Tagged as: , , , ,